#abraçosvirtuais para a turma de Ocontrato. Esperança e fé em 2021!

0

A festa de confraternização de fim de ano aconteceu para a turma de O Contrato de um jeito diferente. Ajustada a tempos de pandemia, com sentimentos de afetos assegurados e muitos abraços virtuais entre Lucia Fernandes Stall e seus afilhados.

O habitual almoço de confraternização e a troca de presentes foram substituídos por mensagens, vídeos e a tradicional de entrega de cestas de Natal de uma forma individual a cada um. Lucia decidiu dividir entre eles o dinheiro que usaria para o almoço e fez uma campanha entre os amigos (as) para arrecadação de recursos, ao invés de presentes.

Eu Marco Aurélio venho agradecer a tds q juntos com a dona Lúcia ajudaram a todos nós a ter um natal e um fim de ano ,sei q está complicado para td mundo com esse momento difícil que estamos passando,  mas c Deus quiser td isso vai passar , obrigado dona Lúcia por dedicar a sua vida a nós,  como sempre falei a senhora é um anjo q Deus colocou em nossos caminhos e através da senhora mais anjos foram entrando em nossas vidas , não sei o q poderia ter sido d nós c não tivéssemos sido encontrados pela senhora…..enfim podemos fazer um biografia neh kkk eu e minha família desejamos um feliz natal e um próspero ano a tds e seu familiares e fé em Deus q td vai passsar bjsss a tds 🙏🏼🙏🏼🙏🏼”

Os envios foram em dinheiro e a cesta e ficou a critério de cada um utilizá-lo para o seu Natal em casa protegido da contaminação pelo vírus. Alguns mandaram recados gravados com fotos e outros vídeos como fez Elias Vieira da Rosa, Leandro Matos de Melo e seu irmão Diego. Vale reproduzir os recadinhos que emocionaram Lúcia e todas as pessoas que acompanham a trajetória desses meninos e meninas, hoje são homens com famílias constituídas.

Segunda Geração

Realmente, quando olhamos esta grande família e abarcamos todos os afetos que existem circulando entre eles reconhecemos a importância de um trabalho de transformação social. Ele não deve ser pontual e sim contínuo e não adianta focar apenas na primeira geração. Para acontecer uma transformação social verdadeira é preciso orientar, acompanhar até a segunda geração. Isto é, até chegarem os filhos.

Portanto, é gratificante sentir que entre os cinco meninos que começaram a pedir moedinha no semáforo perto do escritório de Lucia, todos estão com os filhos encaminhados, educados e verdadeiros cidadãos!

Um ano desafiante

O ano de 2020 foi para todos desafiantes e não podia deixar de ser para Elias, Leandro, Marco e Alex. Mas muita coisa boa aconteceu também e acredito que a construção da casa de Leandro, o emprego dele, foram realmente conquistas para se comemorar.

Além disso,  Diego, irmão de Leandro já está quase encerrando a universidade e vencendo suas etapas. Lucia tem dado todo o apoio para ele terminar seus estudos. Na verdade, a história começou com o Leandro que pertence a família de Marinéia. Mas no final todos os cinco filhos dela estão envolvidos e buscam o apoio e conselhos de Lucia. Diego é um deles.

Por outro lado, Marcos, Alex, Elias, Leandro estão de parabéns pela garra e bom desempenho na educação de seus filhos. O Contrato deseja a todos os amigos, leitores e a nossa grande família um ano de 2021 com muitos abraços de braços vacinados. Muita esperança e fé norteando os passos das pessoas neste imenso planeta azul!

 

 

Share.

About Author

Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma. Acredita nas palavras bem ditas ou 'benditas', ou seja, bem escritas, que educam, que seduzem pelos significados, pela emoção ao informar sobre a arte da vida que se manifesta nas relações afetivas, na criação artística, nos lugares, na natureza e na energia do Universo.

Leave A Reply

um × 2 =